Pecuária

Boi/Cepea: oferta de animal para abate segue baixa

01/10/2015

A oferta de animais para abate esteve ainda menor no encerramento de setembro. Porém, como grandes frigoríficos têm preenchido parte de suas escalas com animais comprados antecipadamente, via contrato, a pressão de demanda também se torna moderada. No acumulado do mês, o Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa teve alta de 1,4%, fechando em R$ 144,65 nessa quarta-feira, 30.

Quanto à reposição, pecuaristas de recria e de engorda ainda consideram altos os preços dos animais comparativamente aos do boi gordo. Além disso, as condições dos pastos ainda são ruins em muitas regiões, o que reforça a decisão dos compradores de adiar a formação de novos lotes.

Fonte: Cepea/Esalq