Café

Biofach: cooperativa de Rondônia comercializa 1.080 sacas de café à empresa italiana

“Temos um grupo de agricultores contentes com o trabalho da Coocaram”

Pelo segundo ano consecutivo a Cooperativa de Produtores Rurais Organizados para Ajuda Mútua (Coocaram), situada em Rondônia, participa da Biofach Alemanha 2011, a maior feira de orgânicos do mundo.  Com a participação na feira em 2010 a instituição expandiu suas vendas para o mercado internacional.  No mesmo ano, exportou para a Itália 1.080 sacas de café orgânico da espécie robusta.  O total comercializado foi de US$ 186.840. A Biofach 2011 será realizada na cidade de Nuremberg, na Alemanha, de 16 a 19 de fevereiro.  O Ministério do Desenvolvimento Agrário(MDA), por meio das secretarias de Agricultura Familiar (SAF) e Desenvolvimento Territorial (SDT), leva este ano 11 empreendimentos para participar do evento.

O filho de agricultor familiar, Leandro Dias Martins, 27, trabalha há cinco anos na Coocaram e conta como foi a primeira experiência da instituição na Biofach Alemanha.  \”Nós levamos para a feira café e guaraná orgânicos.  Conversamos com clientes e depois de cinco meses surgiram várias demandas de vendas dos nossos produtos para outros países\”, relata.

\”Temos um grupo de agricultores contentes com o trabalho da Coocaram, principalmente porque com essas novas oportunidades de participar de eventos como a Biofach, eles passam a enxergar novos horizontes adiante\”, explica Martins.

Para Leandro, a participação na feira alemã aumentou a visibilidade da Cooperativa no mercado externo, proporcionou crescimento na venda dos produtos e na renda dos agricultores familiares, além de terem adquirido experiência em negociação no mercado internacional.  Para o agricultor, tudo isso está contribuindo para a expansão da cooperativa.

A Coocaram foi criada em 2002 com o desafio de industrializar a produção de café e agregar valor à produção dos agricultores familiares da região.  Hoje, a instituição conta com o apoio do MDA para fortalecer essa cadeia produtiva.  Atualmente, a entidade comercializa dois tipos de café: o arábica e a espécie robusta.  Para ampliar as vendas foi criada uma agroindústria no município de Ji-Paraná (RO) para processamento de café com capacidade de torrar e moer 25 toneladas por mês.

São 336 agricultores e agricultoras familiares de 14 municípios de Rondônia cooperados à Coocaram para produção de café.  Hoje, 30% das propriedades trabalham com o processo agroecológico e possuem a certificação da Ecocert.  \”O nosso forte em vendas está sendo o café verde sem casca beneficiado, ou seja, é uma café com certificação orgânica\”, esclarece Leandro.

A produção da Coocaram está estimada em torno de 10 a 15 mil sacas ao ano para o mercado interno.  Se o ano é de boas chuvas a safra é maior.  Na safra 2009/2010 foram vendidos 300 sacas de café.  O lucro de cada agricultor foi em média R$ 8.750.

Apoio do MDA

O MDA participa da Biofach, desde 2003, oferecendo oportunidade de negócios à dezenas de cooperativas e associações da agricultura familiar com compradores de todas as partes do mundo.  Para a edição de 2011, os 11 empreendimentos irão expor produtos orgânicos com certificação como castanha-do-brasil, cachaças, licores, açúcar mascavo, melado de cana, cacau em amêndoa, composto de mel e própolis, sucos, óleos essenciais, café, doces, guaraná em pó, entre outros.

www.incra.gov.br

Fonte:

http://www.revistacafeicultura.com.br/index.php?tipo=ler&mat=37829&biofach–cooperativa-de-rondonia-comercializa-1-080-sacas-de-cafe-a-empresa-italiana.html