biblioteca

Agronegócio capixaba amarga queda de 26,7% no valor das exportações

Publicado em 16/05/2016

As exportações do agronegócio capixaba no primeiro quadrimestre registraram expressivas quedas de 26,7% no valor e de 19,9% no volume comercializado, em relação ao mesmo período do ano passado. De janeiro a abril, foram exportadas 732,8 mil toneladas de produtos, com uma receita gerada de US$ 465,7 milhões.

O café, principal cultura agrícola capixaba, foi o produto mais afetado e vive um dos piores momentos dos últimos anos. O volume de café verde exportado nos quatro primeiros meses de 2016 registrou uma queda significativa de 62,3%. Foram comercializadas pouco mais de 44 mil toneladas, contra 113 mil toneladas exportadas no mesmo período do ano passado.

A receita obtida com a venda do produto despencou, com uma queda de 60,6%. A receita gerada caiu de US$ 236,8 milhões em 2015 para US$ 89,2 milhões este ano. O preço médio internacional do produto também caiu: de US$ 2,08 para US$ 1,99 o quilo.

A celulose, líder do ranking dos produtos mais exportados pelo Espírito Santo, também registrou queda no volume (-14,9) e no valor comercializado (10,6%) no período. A receita obtida com a exportação do produto foi de US$ 284 milhões contra US$ 317,8 milhões no primeiro quadrimestre de 2015. Já o volume exportado caiu de 783,4 mil toneladas para 666,5 mil toneladas exportadas de janeiro a abril deste ano.

Leia a notícia na íntegra no site Cenário MT.

Fonte: Cenário MT