Defensivos

Agricultores de Palmas/PR e região contam com tecnologia e alta produtividade através da Agro Precisão

09/03/2017

Aliar tecnologia e alta produtividade é o trabalho desenvolvido pela Agro Precisão nas lavouras de Palmas, Sul do Paraná, e região. Sob o comando dos engenheiros agrônomos Leonardo e Leandro Amadori, a empresa atua há seis anos, com mais de 30 clientes, o que corresponde há cerca de 8% do mercado agrícola do município, que têm colhido ótimos resultados.

Conforme Leandro Amadori, a empresa consolidou-se, sendo a pioneira na região na implantação de técnicas como a agricultura de precisão. Ele explica que a partir desse método é feita uma análise aprofundada das características do solo para a correção adequada das imperfeições, gerando economia de insumos e uma resposta de produtividade muito mais rápida. “Nesses seis anos já foram mais de 25 mil hectares analisados e corrigidos através desse trabalho, o que demonstra que essa é uma técnica que tem contribuído muito para a nossa agricultura”, destaca.

A Agro Precisão também presta serviços de consultoria e assistência técnica, atendendo hoje, a cerca de 5 mil hectares. “Nós não temos relações comerciais e sim ligações com a técnica, recomendando extremamente o necessário para o produtor, com isso nós conseguimos alcançar um manejo mais eficiente do uso da tecnologia”, salienta, lembrando da fidelização dos clientes, para quem são prestados serviços de assistência semanalmente.

Revelou que a Agro Precisão está desenvolvendo uma técnica com equipamento de sensoriamento remoto, o VANT (Veículo Aéreo Não-Tripulado), que realiza o sobrevoo da área onde a cultura encontra-se em estágio reprodutivo e realiza um diagnóstico da cultura em cada setor da lavoura, através de tecnologia NDVI (Índice de Vegetação da Diferença Normalizada). “Esse trabalho é importante porque ele detecta problemas que não se vê acima do solo”, explica, informando que está em andamento o projeto Vôo 360, onde foram analisados cerca 800 hectares através dessa técnica. “Estamos concluindo o levantamento dos resultados e estaremos apresentando aos nossos produtores quais as vantagens dessa técnica, a economia e os benefícios que ele terá através desse trabalho”, informa.

O agrônomo apresenta ainda uma parceria entre a Agro Precisão e a GeoAgri, empresa precursora na difusão de tecnologias para a agricultura, e que importa equipamentos para plantação e pulverização através de sensoriamento de área.

Segundo Leandro Amadori, a agricultura de precisão pode ser aplicada tanto em situações de alta produtividade como de baixa. Exemplifica citando casos de produtores que produziam 120 sacas por alqueire, saltando para 160 sacas num trabalho de longo prazo. “Fertilidade se constrói. O solo precisa se estruturar e por isso a resposta vem a longo prazo”, destaca.

Mais informações sobre os trabalhos da Agro Precisão podem ser obtidas no escritório localizado na Rua Jesuino Alves da Rocha Loures 1372, no Centro de Palmas, através dos telefones (46) 99923-7006 / (49) 99917-1254, ou na página Agro Precisão” no Facebook.

Fonte: RBJ – Guilherme Zimermann