Custo de Produção

Açúcar é destaque das exportações do agronegócio em novembro

Publicado em 08/12/2016

O açúcar foi o principal produto exportado pelo agronegócio brasileiro em novembro. Os embarques cresceram principalmente em função do aumento do preço médio da cotação internacional de açúcar. Em novembro, as vendas somaram US$ 1,1 bilhão, crescimento de 56,2% em relação aos US$ 697 milhões alcançados em igual mês de 2015. Já no período de janeiro a novembro deste ano, as exportações do produto chegaram a US$ 9,3 bilhões, um incremento de 37% na comparação com o período anterior, quando atingiu US$ 6,8 bi. Os dados foram divulgados pela Secretária de Relações Internacionais do Agronegócio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) nesta quarta-feira (7).

De acordo com a SRI, as exportações do agronegócio brasileiro em novembro foram de US$ 5,7 bilhões, o que correspondeu a uma queda de 13,6% em relação aos US$ 6,6 bilhões exportados no mesmo mês de 2015.

A queda nas vendas externas de soja e de milho em grão, carnes de frango e bovina foi compensada em parte pela expansão das exportações do complexo sucroalcooleiro (+42,9%), café (+18,6%) e produtos florestais (+6,2%). Isso impediu uma redução mais acentuada das exportações. Também tiveram destaques as carnes suínas (+26,5%) e de peru (+47,4%).

Entre janeiro e novembro de 2016, as vendas externas do agronegócio atingiram US$ 78,8 bilhões, com retração de 3,1 % em relação aos US$ 81,4 bilhões exportados no mesmo período do ano anterior.

Apesar da queda nos embarques de soja em grão, a China continua como o principal destino das exportações do agronegócio brasileiro. O país asiático é responsável pela compra de um quarto do total das vendas externas do país no período de janeiro a novembro de 2016, com participação semelhante ao mesmo período de 2015.

Fonte: Mapa