Pecuária

A força da indústria da carne

25/01/2016

O  otimismo que impregna o setor de alimentos cárneos e derivados se reflete na operação de vendas de espaço para expositores da MERCOAGRO 2016, a Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne, programada para o período de 13 a 16 de setembro de 2016, no parque de exposições da Efapi, em Chapecó.

Oitenta e uma empresas fornecedoras de insumos para a indústria da carne – entre elas, algumas das maiores do Brasil – contrataram 52,4 dos espaços para a edição deste ano.

O diretor de feiras da entidade promotora – Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) –, Bento Zanoni, analisa que as vendas crescentes decorrem de dois fatores: o prestígio da feira e o bom momento do mercado internacional de carnes. Destacou que a feira notabilizou-se pelo elevado número de transações que oportuniza a cada edição, compensando os investimentos dos expositores, em sua maioria, fabricantes e fornecedores de milhares de itens que formam o conjunto de insumos para o funcionamento das indústrias frigoríficas.

O diretor assinala que é elevada a taxa de sucesso dos expositores que fecham ou ajustam contratos dentro e acima das expectativas de cada ano. “O expositor sabe que na MERCOAGRO se fazem bons negócios, por isso ela é a preferida entre as feiras do setor,” destaca.

A Mercoagro completa, em 2016, seus 22 anos de ininterruptas edições bienais desde 1994. Nesse período, muitas empresas cresceram estimuladas pelas vendas fechadas a cada edição da exposição-feira, beneficiadas pela aproximação entre fornecedores e usuários, a realização de seminários e a divulgação internacional. Além disso, gerou oportunidades de negócios entre fornecedores e fabricantes, promovendo as regiões das empresas produtoras.

Entre as empresas confirmadas estão as chapecoenses JAV Automação Industrial; Usinox Centro de Usinagem Industrial; Bumerangue Brasil Industrial; Plásticos Pasquali; Soma Sul Equipamentos; Prime Máquinas para processamento de carne; High Tech Equipamentos Industriais; e Chapecó Materiais Elétricos.

 

Fonte: Agrolink